top of page

Al Nassr tem possível estreia de Cristiano Ronaldo em liga sem transmissão no Brasil

Globo Esporte



Esta quinta-feira pode marcar a estreia de Cristiano Ronaldo no Al Nassr, dois dias depois de ter sido apresentado no clube diante de cerca de 30 mil torcedores. Porém, o torcedor no Brasil não terá como assistir ao jogo contra o Al-Tai, às 12h (horário de Brasília). Isso porque a Liga Saudita não tem transmissão oficial em nenhum canal ou serviço de streaming no país.

A Liga Saudita é transmitida na Arábia Saudita pela Saudi Sports Company (SSC), empresa estatal de mídia do país. Como parte de um acordo pelos direitos exclusivos assinado até a temporada 2024/2025, os jogos do campeonato são também levados até todo o Oriente Médio e o norte da África, via canais lineares ou plataformas parceiras. Até o momento, a liga não pode ser acompanhada ao vivo nas principais regiões do futebol, como a Europa e todo o continente americano.

De acordo com a imprensa inglesa, Cristiano Ronaldo sequer poderá ser relacionado porque precisa cumprir suspensão de dois jogos. A punição é originalmente da Football Association (FA), entidade que rege o futebol na Inglaterra, pelo episódio em que o português derrubou o celular das mãos de um torcedor do Everton, em abril do ano passado. A pena só foi definida em novembro, em meio à Copa do Mundo e antes de quando o astro rescindiu com o Manchester United. O regulamento da Fifa prevê que uma suspensão de até quatro jogos ou de até três meses deve ser cumprida mesmo em casos de transferência para outro país.

Membros da imprensa saudita também afirmam que Cristiano Ronaldo não vestirá a camisa do Al Nassr contra o Al Tai nesta quinta. Porém, não entram em maiores detalhes. A federação saudita não se manifestou a respeito da situação, tampouco o clube de Riade.

Cristiano Ronaldo participou de apenas dois dias de treino junto com os novos companheiros, os quais incluem os brasileiros Luiz Gustavo e Anderson Talisca.

Cristiano Ronaldo vai completar 38 anos no próximo dia 5 de fevereiro. Seu contrato como jogador com o Al Nassr é até 2025, mas o vínculo prevê cinco anos adicionais como conselheiro da equipe e embaixador da candidatura da Arábia Saudita à Copa do Mundo de 2030.

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page