top of page

Ainda incompleta, seleção brasileira faz primeiro treino para amistoso contra o Marrocos

Globo Esporte


A bola já está rolando para a seleção brasileira no Marrocos. Com 18 jogadores já à disposição, o técnico interino Ramon Menezes comandou nesta segunda-feira o primeiro treinamento nos campos anexos do Estádio Ibn Batouta.

Nem todos, no entanto, trabalharam com bola: Vini Jr, Militão, Alex Telles, Robert Renan e Bremer apenas deram voltas em torno do gramado.

O quinteto esteve em campo no domingo por seus clubes, e foram preservados com trabalhos regenerativos. Ainda nesta segunda, chegam a Tânger Weverton, Raphael Veiga, Rony e Andrey Santos, que também defenderam Palmeiras e Vasco na véspera pelas semifinais dos Estaduais. Arthur, do América-MG, será o último a se apresentar, na terça-feira.

Ramon ainda vai comandar mais quatro atividades antes da partida contra o Marrocos, sábado, às 19h (de Brasília). Todos os treinamentos estão marcados para às 13h30 - (16h30 no horário local).

Ainda nesta segunda-feira, os estreantes Vitor Roque e André vão atender a imprensa para entrevista coletiva. Ao todo, a seleção brasileira conta com dez jogadores que vestem a camisa da equipe principal pela primeira vez.

O último convocado desta lista foi Yuri Alberto, que substitui Richarlison, cortado por uma lesão na panturrilha. Outro chamado no sábado foi Bremer para a vaga de Marquinhos, e encorpa o grupo dos que estiveram na última Copa do Mundo, também com dez representantes.

O primeiro jogador a se apresentar no Marrocos foi o goleiro Mycael, do Athletico-PR, ainda no domingo à noite. Já na manhã desta segunda, chegou uma leva de atletas que atuam na Europa: o goleiro Ederson, os laterais Emerson Royal, Alex Telles e Renan Lodi, os zagueiros Éder Militão, Bremer e Ibañez, os volantes João Gomes e Casemiro, o meia Lucas Paquetá e os atacantes Antony, Rodrygo e Vini Júnior.

No início da tarde se juntaram ao grupo Yuri Alberto, Robert Renan, André e Vitor Roque.

O amistoso em Tânger marcará o reencontro de Marrocos com a sua torcida após a histórica campanha na Copa do Mundo do Catar, na qual a seleção africana terminou no quarto lugar. Já o Brasil fará o primeiro jogo desde a saída do técnico Tite, que comandou a Seleção ao longo dos últimos seis anos e meio.

4 visualizações0 comentário
bottom of page