top of page

Advogada acusada de matar o ex-sogro e a mãe dele pode pegar 100 anos de prisão se for condenada, diz delegado

Amanda Partata é ré por duplo homicídio qualificado e dupla tentativa de homicídio. Quando foi presa, a advogada negou ter cometido o crime.




G1-Goiás

Amanda Partata e o momento em que ela chega em uma delegacia, em Goiânia, Goiás — Foto: Reprodução/Redes Sociais



Amanda Partata Mortoza, de 31 anos, acusada de matar o ex-sogro e a mãe dele, poderá pegar até 100 anos de prisão se for condenada, afirma o delegado responsável pelo caso, Carlos Alfama. A advogada se tornou ré por duplo homicídio qualificado e por dupla tentativa de homicídio.


“Ela queria matar todos da casa, são quatro crimes ao todo. As penas somadas podem chegar a 100 anos de prisão”, afirma Alfama.


A defesa de Amanda afirma que "em razão da complexidade das imputações" vai se pronunciar somente em juízo. Quando foi presa, a advogada negou ter cometido o crime. A Justiça acatou o pedido de prisão preventiva contra Amanda.


A Justiça aceitou a denúncia oferecida pelo Ministério Público de Goiás na quinta-feira (18). A decisão também acatou o pedido de que Amanda continue presa de forma preventiva. A denúncia diz que não há dúvidas de que a advogada é a responsável pelas mortes de Leonardo e Luzia.


Veja abaixo os crimes que Amanda é acusada:


  1. Homicídio consumado triplamente qualificado (pelo motivo torpe, emprego de veneno e dissimulação) contra Leonardo Pereira Alves, pai do ex-namorado de Amanda.

  2. Homicídio consumado triplamente qualificado (pelo motivo torpe, emprego de veneno e dissimulação) e agravado pela idade contra Luzia Alves, avó do ex-namorado de Amanda.

  3. Homicídio tentado duplamente qualificado (pelo motivo torpe e pelo emprego de veneno) praticado contra o tio do ex-namorado de Amanda.

  4. Homicídio tentado duplamente qualificado (pelo motivo torpe e pelo emprego de veneno) e agravado pela idade da vítima contra o avô do ex-namorado de Amanda.

39 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page